13 de mai de 2010

Queremos um bicicletário e um planeta melhor!

Está acontecendo exatamente agora uma manifestação reivindicando que a PUC-SP precisa construir bicicletários seguros e gratuítos. Junto com a causa, está uma causa colocada com menor importância, é a causa contra o aumento da mensalidade. Já que atualmente cursos como o de Publicidade e Proganda custam 1.280 reais com alguma variação. É interessante a forma como a agregação de pessoas se dá, uma vez que reunir pessoas para reivindicar um bicicletário, ou então mais de 2 milhoões de assinaturas em um esforço para tornar o espaço público uma opção digna de carreira(Projeto de Lei Ficha Limpa) tem mobilizado pessoas.

Faz alguma tempo que tenho lido e estudado sobre a melhor maneira para se fazer mobilização social sem se valer de métodos sofistas. E neste tempo todo, em nenhum dos meus estudos encontrei uma fórmula. Existe sim uma grande dificuldade em conseguir motivos que mobilizem alguém a perder uma dia de aula, um Happy Hour ou até mesmo a novela para participar de atividades relacionadas ao espaço público.

No entanto, nos últimos tempos, talvez fortemente impulsionados pela campanha de que o planeta esta se acabando, que precisamos fazer alguma coisa, do contrário nosso sistema entrará em colapso por motivos que vão desde a escassez de água ao colapso climático.

Talvez neste sentido é que esteja uma maneira eficaz de mobilizar a sociedade através de uma causa não sofista. Já que é uma causa "real", e não uma proposta administrativa, como quais serão as verbas para educação e segurança.

A causa surge de alguma maneira para resolver problemas sem solução, ou então para corrigir erros, que apesar de conhecida a solução, não tem tido sucesso de aplicação no sistema como no caso da geração de energia elétrica.

0 comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails